InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  CalendárioCalendário  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-se  FacebookFacebook  OrkutOrkut  TwitterTwitter  Movimento Brasil SaúdeMovimento Brasil Saúde  FAQFAQ  

Compartilhe | 
 

 Saúde Para o Povo Brasileiro, Rápido.

Ir em baixo 
AutorMensagem
Gborges



Mensagens : 20
Data de inscrição : 16/07/2010
Idade : 62
Localização : Uberlândia, MG

MensagemAssunto: Saúde Para o Povo Brasileiro, Rápido.   Seg Jul 19, 2010 4:11 pm

Porque a tecnologia gasta anos para chegar ao Brasil?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alvaro
Admin


Mensagens : 38
Data de inscrição : 06/07/2010
Idade : 47

MensagemAssunto: Re: Saúde Para o Povo Brasileiro, Rápido.   Seg Jul 19, 2010 11:04 pm

E isso ai gilmar vamos continuar postando...fundamete este pensamento que esta bom
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mobilizasaude.livreforum.com
José Carlos Oliveira



Mensagens : 9
Data de inscrição : 16/07/2010

MensagemAssunto: Brasil alerta sobre barreiras para medicamento genérico   Seg Jul 19, 2010 11:34 pm

O governo brasileiro fez um alerta nesta segunda-feira, 17, durante a 63ª Assembleia Mundial de Saúde, que está ocorrendo em Genebra, Suíça, sobre o risco da criação de barreiras para a comercialização de medicamentos genéricos no mundo. Ao lado de países da América do Sul, da África e do sudeste asiático, o Brasil defende a revisão do debate sobre medicamentos falsificados, deflagrada pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A discussão feita até agora incorpora temas relacionados à propriedade intelectual e às questões de saúde - uma mistura interpretada como um risco em potencial para a livre circulação de remédios.

Países querem que esse debate seja revisto e passe a ser conduzido diretamente pelos membros da OMS. Os trabalhos apresentados até o momento são resultado das orientações da Força-Tarefa Internacional Anti-Contrafação de Produtos Médicos (em inglês, Impact), um grupo criado pela própria OMS, com representantes de vários setores. A equipe defende que a discussão sobre falsificação de remédios vá além de questões de saúde pública e passe também a avaliar a origem e o respeito do produto às normas relacionadas à marca e à patente.

"O combate à falsificação de medicamentos, nossa responsabilidade comum, não pode servir de pretexto para que a dimensão comercial sobreponha-se à saúde pública. Propriedade intelectual não se confunde com medicamentos falsificados. Vítimas de violações aos direitos de propriedade intelectual são empresas; vítimas de medicamentos falsificados são pacientes - e são estes que requerem a proteção da OMS", afirmou o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, durante seu discurso na assembleia.

O receio parte das experiências registradas nos últimos dois anos, quando cerca de 30 carregamentos de genéricos em trânsito de países como China e Índia para outros em desenvolvimento foram bloqueados em portos europeus. As apreensões foram feitas com base em uma legislação da União Europeia, que permite a apreensão de cargas suspeitas de desrespeitar propriedade intelectual. Em dezembro de 2008, uma carga de 500 quilos do medicamento genérico Losartan, adquirido pela brasileira EMS de uma empresa indiana, foi apreendido no porto de Roterdã, com base na legislação da UE.

Na última semana, o Brasil e a Índia apresentaram uma denúncia na Organização Mundial do Comércio para discutir a legalidade da apreensão de medicamentos genéricos em portos europeus. A justificativa das autoridades europeias é a de que produtos eram suspeitos de desrespeitar a propriedade intelectual, precedente que, de acordo com normas da União Europeia, permite a apreensão dos produtos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gborges



Mensagens : 20
Data de inscrição : 16/07/2010
Idade : 62
Localização : Uberlândia, MG

MensagemAssunto: José Carlos, muito obrigado por participar do MobilizaSaude.   Qua Jul 21, 2010 2:45 pm

Infelizmente a visão externa do Brasil é a de 2do maior copiador do mundo. No exterior eles respeitam as Propriedades Intelectuais. Vai caber ao futuro Ministro da Saude a tarefa de balancear a "visão externa" com as "Propriedades Intelectuais". Agradecemos antecipadamente sua opinião/sugestão em COMO balancear essa situação. Gilmar

José Carlos Oliveira escreveu:
O governo brasileiro fez um alerta nesta segunda-feira, 17, durante a 63ª Assembleia Mundial de Saúde, que está ocorrendo em Genebra, Suíça, sobre o risco da criação de barreiras para a comercialização de medicamentos genéricos no mundo. Ao lado de países da América do Sul, da África e do sudeste asiático, o Brasil defende a revisão do debate sobre medicamentos falsificados, deflagrada pela Organização Mundial da Saúde (OMS). A discussão feita até agora incorpora temas relacionados à propriedade intelectual e às questões de saúde - uma mistura interpretada como um risco em potencial para a livre circulação de remédios.

Países querem que esse debate seja revisto e passe a ser conduzido diretamente pelos membros da OMS. Os trabalhos apresentados até o momento são resultado das orientações da Força-Tarefa Internacional Anti-Contrafação de Produtos Médicos (em inglês, Impact), um grupo criado pela própria OMS, com representantes de vários setores. A equipe defende que a discussão sobre falsificação de remédios vá além de questões de saúde pública e passe também a avaliar a origem e o respeito do produto às normas relacionadas à marca e à patente.

"O combate à falsificação de medicamentos, nossa responsabilidade comum, não pode servir de pretexto para que a dimensão comercial sobreponha-se à saúde pública. Propriedade intelectual não se confunde com medicamentos falsificados. Vítimas de violações aos direitos de propriedade intelectual são empresas; vítimas de medicamentos falsificados são pacientes - e são estes que requerem a proteção da OMS", afirmou o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, durante seu discurso na assembleia.

O receio parte das experiências registradas nos últimos dois anos, quando cerca de 30 carregamentos de genéricos em trânsito de países como China e Índia para outros em desenvolvimento foram bloqueados em portos europeus. As apreensões foram feitas com base em uma legislação da União Europeia, que permite a apreensão de cargas suspeitas de desrespeitar propriedade intelectual. Em dezembro de 2008, uma carga de 500 quilos do medicamento genérico Losartan, adquirido pela brasileira EMS de uma empresa indiana, foi apreendido no porto de Roterdã, com base na legislação da UE.

Na última semana, o Brasil e a Índia apresentaram uma denúncia na Organização Mundial do Comércio para discutir a legalidade da apreensão de medicamentos genéricos em portos europeus. A justificativa das autoridades europeias é a de que produtos eram suspeitos de desrespeitar a propriedade intelectual, precedente que, de acordo com normas da União Europeia, permite a apreensão dos produtos.
[left]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Carlos Oliveira



Mensagens : 9
Data de inscrição : 16/07/2010

MensagemAssunto: Segundo Maior COPIADOR?   Qui Jul 22, 2010 12:27 am

Prezado Borges, De onde voce tirou este dado de que nosso pais e o segundo maior "copiador" de medicamentos do Mundo. Ate onde eu sei o Brasil respeita patentes. Por favor , poste fundamentos para este dado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gborges



Mensagens : 20
Data de inscrição : 16/07/2010
Idade : 62
Localização : Uberlândia, MG

MensagemAssunto: Visão Interna e Visão Externa   Sex Jul 23, 2010 3:29 pm

Prezado José Carlos, após mais de 20 anos trabalhando em empresas multinacionais no exterior, pude "sentir" como as corporações viam o Brasil. No mundo corporativo americano, eles tem a visão do Brasil copiar eletronicos, mecanicos, software, hardware, medicamentos, e midia. Eles não conseguem entender a leis (Proprietary Information) do Brasil. Minha afirmativa de 2do copiador não é um dado, e sim uma coleção de informação da visão externa. Abaixo estão algumas visões externas:

Consumers International IP Watchlist

www.reciis.cict.fiocruz.br/index.php/reciis/article/view/38/70

By TODD BENSON
Published: June 25, 2005
SÃO PAULO, Brazil, June 24 - Brazil announced late Friday that it would start copying an AIDS drug made by the American pharmaceutical company Abbott Laboratories to provide a cheaper version for its AIDS treatment program, becoming the first country to break the patent of an antiretroviral medicine.


www.linuxtoday.com/news_story.php3?ltsn=2010-07-12-019


Meu objetivo em apresentar essa informação é de achar soluções para balancear a visão externa com a visão interna. Apreciamos a ajuda para achar as soluções. Obrigado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alvaro
Admin


Mensagens : 38
Data de inscrição : 06/07/2010
Idade : 47

MensagemAssunto: Multinacionais burlam prazo de patentes de medicamentos para impedir genéricos   Sex Jul 23, 2010 4:02 pm

Multinacionais burlam prazo de patentes de medicamentos para impedir genéricos
20/01/2010
A Secretaria de Direito Econômico (SDE), vinculada ao Ministério da Justiça, encaminhou ofício aos 37 maiores laboratórios de medicamentos no Brasil para mapear os pedidos de patentes e “impedir que laboratórios tentem prolongar indevidamente o direito de exclusividade de comercialização no Brasil de alguns dos medicamentos atualmente protegidos por patentes, impedindo a entrada de genéricos no mercado local”.

No ofício, os laboratórios foram questionados sobre possíveis acordos de direitos patentários entre fabricantes de medicamentos de referência e genéricos nos últimos cinco anos.

O Ministério da Justiça informa que há cinco investigações em andamento sobre condutas “anticompetitivas” relacionadas ao exercício indevido de direitos patentários por laboratórios farmacêuticos para impedir ou retardar a adoção de produtos genéricos. “Dados a importância do acesso a medicamentos e o fato de que importantes patentes estão prestes a expirar, aumentando os incentivos para condutas anticompetitivas, vamos olhar o setor com lupa”, afirmou a diretora do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDE) da SDE, Ana Paula Martinez.

Pela legislação, os genéricos devem ser pelo menos 35% mais baratos que os remédios de referência. Em 2008, responderam por 16,9% do volume de medicamentos vendidos no Brasil, segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos (Pró Genéricos). Entre 1998 e 2007, 18 patentes de medicamentos expiraram no Brasil, mas apenas três genéricos foram introduzidos no mercado, sendo que um deles foi lançado pelo próprio laboratório detentor da patente (a Own Generic), de acordo com o Ministério.

Para tentar estender as patentes, os laboratórios entraram na justiça contra o Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI), órgão que autoriza o registro de marcas. São pelo menos 60 processos. A multinacional Pfizer, por exemplo, pede a prorrogação da patente do Viagra de junho deste ano para junho de 2011.
Algumas ações foram vencidas pelo INPI, outras não. Um das vitórias foi alcançada no final do ano passado contra o laboratório suíço Novartis, um os maiores do mundo, que pretendia a extensão da patente do medicamento Diovan (anti-hipertensivo) para até 2011. O Novartis fatura cerca de R$ 200 milhões anuais no Brasil com a venda deste medicamento.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mobilizasaude.livreforum.com
Diogo
Convidado



MensagemAssunto: Desenvolver mais os planos de saúde   Seg Ago 16, 2010 3:17 pm

O Serra já sabe do que precisamos nos planos de saúde, pois já fez mito nessa área. Voce sabia o que o Serra fez na Modernização da Gestão em Saúde:

Que Serra instituiu o SIOPS (Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde), que passou a levantar receitas e despesas de todos os fundos de saúde (federal, estaduais e municipais) e consolidou o entendimento, junto aos tribunais de contas, das despesas identificadas como ações e serviços públicos em saúde e assim, concedeu maior transparência aos gastos públicos com saúde?

Que quando Serra era Ministro, pela primeira vez se adotou no SUS a estratégia da Regionalização como caminho para superação das dificuldades para a organização do sistema de saúde e, assim melhorar a acesso da população aos serviços de saúde?

Que Serra implantou as bases para um sistema informatizado de gestão da atenção em saúde que depois foi utilizado no município de São Paulo integrando toda a rede de unidades básicas e os agendamentos de exames e consultas?

Que Serra criou o Cartão Nacional de Saúde, iniciando a construção do cadastro nacional dos usuários do SUS por meio no Número de Identificação Social (NIS) que depois foi base do Cadastro Único do Bolsa Família?

Que quando Serra era Ministro da Saúde se preocupou com a qualidade da Gestão Hospitalar e criou os Programas de Modernização Gerencial dos Grandes Estabelecimentos de Saúde e de Centros Colaboradores para a Qualidade da Gestão e Assistência Hospitalar ?

Que quando Serra era Ministro, foi instituída a Central Nacional de Regulação de Alta Complexidade/CNRAC, com o objetivo de coordenar a referência interestadual de pacientes necessitam de assistência hospitalar de alta complexidade?

Que quando Serra era Ministro da Saúde estabeleceu um canal permanente de comunicação com os cidadãos, enviando cartas aos usuários dos serviços de internação hospitalar da rede do SUS para que eles próprios tomassem conhecimento e pudessem conferir em um demonstrativo os procedimentos realizados, materiais e itens especiais utilizados, valores cobrados pelo hospital e pagos pelo SUS, e outros dados da sua internação?

Que quando Serra era Ministro da criou o Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar tendo como objetivos difundir uma nova cultura de humanização bem como mudar substancialmente o padrão de assistência ao usuário da rede hospitalar brasileira vinculada ao SUS, melhorando a qualidade e a eficácia dos serviços prestados, que beneficiou 474 hospitais em todos os estados?

Que quando Serra era Ministro, promoveu maior eqüidade na alocação de recursos e no acesso da população às ações e serviços de saúde em todos os níveis de atenção?

Que quando Serra era Ministro, reduziu a diferença entre o maior e o menor per capita de recursos federais para a Assistência de Média e Alta Complexidade por meio da aplicação dos novos recursos obtidos pelo Ministério da Saúde, não tendo significado remanejamento de recursos entre estados?

Que na gestão Serra ocorreu um aprofundamento do processo de descentralização do SUS, sendo que em dezembro de 1997 eram transferidos de forma automática para estados e municípios, 24,1% do total de recursos, em dezembro de 2001, foram transferidos 66,9%?

Que na gestão Serra o Ministério da Saúde adotou inovações nas compras públicas como o Banco de Preços e o Registro de Preços que além de conceder maior transparência possibilitou uma redução drástica de custos, permitindo com o mesmo montante de recursos, ampliar as ações de saúde?

Que Serra quando Ministro conseguiu regularizar os pagamentos do SUS depois de 10 anos?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Carmem
Convidado



MensagemAssunto: Serra Fez, Dilma Não   Qua Ago 18, 2010 10:41 pm




Capacitação profissional


Que Serra criou o PROFAE (Programa de Formação de Trabalhadores na Área de Enfermagem), o que permitiu a qualificação de cerca de 260 mil profissionais da saúde, como auxiliares e técnicos de enfermagem?

Que quando Serra era Ministro da Saúde viabilizou o repasse de R$ 21,2 milhões às Secretarias Estaduais de Saúde, garantindo o treinamento e capacitação de cerca de 36,8 mil profissionais em todo o País?

Que quando Serra era Ministro foram editadas as normas que regulamentam a capacitação dos profissionais dos Serviços Pré-hospitalar Móvel e o Atendimento e Transporte Aeromédico e o Transporte Inter-Hospitalar, além da normatização das Unidades 24 horas não Hospitalares de Atendimento às Urgências?

Que considerando a dificuldade de fixação de médicos no interior do País e a necessidade de proporcionar aos novos profissionais a experiência na realidade fora dos grandes centros urbanos, Serra criou o Programa de Interiorização dos Profissionais de saúde – PITS?

Que quando Serra era Ministro em conjunto com o SENAI e SESI foi criado o maior programa de capacitação de técnicos de pequenas e médias empresas de alimentos, em todo o país para a garantia de qualidade de alimentos industrializados ao mesmo tempo em que implantou um programa de capacitação de fiscais para inspeção de todas as fábricas de alimentos no país?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Edu
Convidado



MensagemAssunto: Mentirosos ou Não   Sex Ago 20, 2010 4:56 pm



Os casos de Sarampo ESTÃO aparecendo. As desculpas também......


Ministério da Saúde nega circulação de sarampo no País
20 de agosto de 2010 • 16h26 • atualizado às 16h39 Comentários
0Notícia

O Ministério da Saúde afirmou, em nota divulgada nesta sexta-feira, que o sarampo "continua eliminado do território nacional e não circula no País". Segundo as autoridades, o Brasil interrompeu a circulação do sarampo no ano 2000 e, desde então, todos os casos registrados são "importados".

A conclusão de contágio importado se aplica, segundo o ministério, aos recentes casos investigados. Todos seriam pacientes infectados fora do País ou contaminados por estrangeiros que vieram ao Brasil. A presença destes casos "é esperada pela vigilância em saúde, mesmo após a eliminação do vírus no Brasil, devido ao grande fluxo de pessoas que vêm de países onde a doença ainda existe, como alguns países da Europa, Ásia e África", diz a nota.

Casos
No início de agosto foram confirmados três casos de sarampo em uma mesma família no Estado do Pará. O Ministério afirma que a análise genética mostrou similaridade do vírus aos encontrados em surtos na Inglaterra, na França, na Itália e na Holanda.

Já no Rio Grande do Sul, dois irmãos, de 11 e 12 anos, apresentaram sintomas de sarampo. Eles estiveram em Buenos Aires, entre os dias 22 e 28 de julho. O período coincide com a confirmação de três casos de sarampo na capital argentina, entre pessoas que haviam estado na África do Sul.

"Portanto são casos isolados, importados, que foram imediatamente detectados pela vigilância em saúde brasileira", afirma a nota do ministério. A vacinação contra a doença faz parte do calendário de rotina da criança, com cobertura vacinal acima de 99%, o que assegura uma proteção contra a reintrodução da doença no País.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Carmem
Convidado



MensagemAssunto: Confirmado Sarampo   Sex Ago 20, 2010 5:01 pm

O governo Lula adora diviergir da realidade. O caso so Sarampo confirma.

Bahia emite alerta após 21 casos suspeitos de sarampo
20 de agosto de 2010 • 11h23 • atualizado às 11h27 Comentários
2Notícia

Reduzir Normal Aumentar Imprimir Quatro anos após o último surto registrado, a Secretaria Estadual de Saúde da Bahia emitiu um alerta de vigilância para o sarampo. O Estado registrou, nos últimos meses, 21 casos com suspeita da doença.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Edu
Convidado



MensagemAssunto: Governo Aceita   Sex Ago 20, 2010 5:05 pm

Esconde, esconde, e esconde ....... Não adianta esconder.

Confirmado 1º caso de transmissão de sarampo em 10 anos
11 de agosto de 2010 • 00h23 Comentários
0Notícia

Reduzir Normal Aumentar Imprimir O Ministério da Saúde afirmou, nesta terça-feira, que foi identificado, no Estado do Pará, o primeiro caso de transmissão interna de sarampo, em 10 anos. As informações são da rádio CBN.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marlene
Convidado



MensagemAssunto: Cerveja   Dom Ago 22, 2010 7:18 pm



Olha só o que a cerveja pode fazer:

Consumo com frequência pode aumentar em até 130% as chances de desenvolver psoríase.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Edu
Convidado



MensagemAssunto: Saúde e Educacão   Qua Ago 25, 2010 5:27 pm



Ensino público

O brasileiro desconfia da educação pública - e com razão. As avaliações mostram que os estudantes não aprendem o que deveriam e que as escolas ficam aquém das equivalentes privadas. É preciso mudar essa realidade. E rápido. Entenda a questão em profundidade e conheça as propostas dos presidenciáveis.


A chave do desenvolvimento
Pesquisa Ibope/CNI mostra que 6 entre cada 10 brasileiros acham que ensino ruim atrasará país

Como avançar mais rápido?
Mantido o atual ritmo, país só deverá atingir um nível educacional satisfatório em cinquenta anos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marcelo
Convidado



MensagemAssunto: Saúde Vai Mal, Obrigado   Qui Ago 26, 2010 4:48 pm


A Saúde no Brasil está fora de controle. O povo ainda acredita nas mentiras do govêrno.


Brasil tem 78 casos suspeitos de micobactérias

Origem das contaminações seria a mesma que provocou surtos em 2006 e 2008
26/08/2010 11:44


Dois anos após provocar no País um surto de infecção hospitalar de proporções inéditas no mundo, a micobactéria de crescimento rápido volta a contaminar dezenas de pessoas no Brasil.

Nesta nova onda, foram registrados 78 casos suspeitos de contaminação, concentrados em pacientes atendidos em dois hospitais particulares: um em Manaus e outro em Carazinho (RS), município a 292 km de Porto Alegre.

Embora os estudos não estejam concluídos, autoridades sanitárias não hesitam em afirmar que a origem das novas contaminações é a mesma que provocou o surto entre 2006 e 2008: o uso de equipamentos de videoscopia sem esterilização e desinfecção adequada.

"É uma crônica de morte anunciada", afirmou a diretora do Centro de Referência Professor Hélio Fraga, Margareth Dalcolmo. "O controle de infecções hospitalares continua precário no País." Margareth contou que, nos casos recentes, a micobactéria apresenta uma resistência maior aos remédios usados para tratamento. "Uma parte dos pacientes tem de ser tratada com drogas endovenosas, algo que requer um cuidado maior."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marcus
Convidado



MensagemAssunto: Esclerose Amiotrófica   Qui Ago 26, 2010 10:47 pm



Cientistas identificam novo fator genético para esclerose lateral amiotrófica
Síndrome da qual sofre o físico Stephen Hawking provoca degeneração dos neurônios motores

26 de agosto de 2010 | 20h 38

SÃO PAULO - Um novo fator genético de risco para o desenvolvimento da esclerose lateral amiotrófica (ELA) acaba de ser identificado por um estudo internacional liderado por cientistas da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos.

Os resultados da pesquisa estão na edição desta quinta-feira, 26, da revista Nature. A esclerose lateral amiotrófica é uma doença degenerativa progressiva e fatal, de causas ainda pouco conhecidas. Trata-se de uma síndrome complexa caracterizada pela degeneração dos neurônios motores.

Os autores do estudo utilizaram levedura e moscas-das-frutas como modelos, relacionando os resultados com os obtidos no sequenciamento do DNA humano, e encontraram evidência de que mutações no gene ataxina-2 representam um fator que contribui para a manifestação da doença.


Mais especificamente, a pesquisa mostrou que expansões do aminoácido glutamina no gene ataxina-2 estão associadas com um aumento no risco de desenvolver ELA. O gene contém um trato poliglutamínico, porção da proteína na qual o aminoácido é repetido muitas vezes.


Ao analisar o DNA de 915 pessoas com ELA, os pesquisadores observaram que, em alguns deles, uma mutação no ataxina-2 fez com que a poliglutamina se esticasse. Expansões de tamanho intermediário (entre 27 e 33 glutaminas) foram associadas de forma significativa com a esclerose lateral amiotrófica, respondendo por 4,7% dos casos. Parece pouco, mas, com isso, essa mutação específica se torna o marcador de risco genético mais comum para a doença de que se tem notícia.


Não há, atualmente, cura para ELA. A identificação de interações patológicas entre ataxina-2 e TDP-43, outra proteína associada à patologia, juntamente com a forte ligação genética das expansões do ataxina-2 com a síndrome, poderão ajudar no desenvolvimento de biomarcadores e, eventualmente, de novas terapias, apontam os autores.


Análises feitas em modelos de levedura e moscas-das-frutas, bem como em células humanas, confirmaram que o ataxina-2 é um poderoso modificador da TDP-43. O estudo mostrou que as duas proteínas interagem em modelos animais e celulares, promovendo a patogênese.


Os resultados indicaram uma ligação entre os genes e a doença. Quando os pesquisadores direcionaram a expressão da TDP-43 para o olho das moscas, observaram o início de um processo degenerativo e progressivo ligado à idade.


Quando a expressão foi direcionada para os neurônios motores, os insetos experimentaram uma perda progressiva de mobilidade. Quanto mais elevados os níveis de ataxina-2, mais alta era a toxicidade da TDP-43, resultando em uma denegeração mais severa.


“Como a redução dos níveis de ataxina-2, tanto na levedura como nas moscas, foi capaz de prevenir alguns dos efeitos tóxicos da TDP-43, achamos que isso poderá ser investigado como um novo alvo terapêutico para a ELA”, disse Aaron Gitler, da Universidade da Pensilvânia, um dos coordenadores da pesquisa.


A esclerose lateral amiotrófica também é conhecida como doença do neurônio motor, doença de Charcot (Jean-Martin Charcot, neurologista francês que a descreveu em 1869) ou doença de Lou Gehrig, jogador de beisebol do início do século 20, cuja carreira foi encerrada precocemente por causa da síndrome.


O ator inglês David Niven (1910-1983), o músico americano Charles Mingus (1922-1979) e o físico inglês Stephen Hawking (1942) são outros conhecidos portadores da doença. No Brasil, o atacante Washington César Santos, que jogou no Atlético Paranaense, no Fluminense (tendo sido campeão brasileiro em 1984) e na seleção, tem a síndrome.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Marcelo
Convidado



MensagemAssunto: Cancer   Sex Ago 27, 2010 8:56 am




Cientistas identificam 8 sintomas para prever risco de câncer

27 de agosto de 2010 • 08h40 Comentários

Cientistas britânicos identificaram oito dos sintomas mais comumente relacionados com o câncer, como presença de sangue na urina e anemia, segundo publica hoje a revista "British Journal of General Practice".
Segundo a publicação, em certos grupos de idade estes sintomas ajudariam a prever a presença de um tumor de forma tão certeira que, se não houver outra explicação mais plausível, o paciente deveria ser avaliado por um especialista.

Sangue no reto, nódulos nas mamas, tosse acompanhada de sangue, dificuldade ao engolir, sangramento vaginal depois da menopausa e resultados anômalos nas revisões de próstata completam a lista de sintomas a serem levados em conta.

Os pesquisadores buscavam sintomas que fossem indicativos de ter um câncer em pelo menos um em cada 20 casos.

Embora a presença de sintomas ainda represente uma possibilidade muito reduzida de ter um tumor, qualquer deles é motivo suficiente para que o paciente seja avaliado por um especialista e submetido a mais testes para que seja diagnosticado o mais rápido possível.

Para elaborar esta lista os cientistas cruzaram os resultados de 25 estudos anteriores que lhes permitiram concluir que no caso das pessoas menores de 55 anos só dois destes sintomas - resultados anômalos nas revisões de próstata e nódulos no peito - indicavam um risco de 5% de ter câncer.

Depois dos 55, embora apenas no caso dos homens, a dificuldade para tragar seria significativa de um câncer de esôfago, enquanto a presença de sangue na urina se transforma em um sintoma de especial preocupação entre homens e mulheres a partir dos 60 anos.

Mark Shapley, especialista que liderou a pesquisa, recomenda "mais investigação para desenvolver um tipo de programas de informática que alertem os médicos de família que eles têm que enviar o paciente para um especialista quando estes sintomas surgem em certos grupos de risco".

Um porta-voz da "Cancer Research UK", a organização que se encarrega das pesquisas sobre câncer no Reino Unido, advertiu que estes sintomas não são os únicos que indicariam um possível câncer.

"Os sintomas que aqui se destacam já eram considerados sinais potenciais de um tumor, mas existem pelo menos 200 tipos de câncer diferentes, por isso que a sintomatologia é muito ampla", explicou.

O porta-voz aconselhou procurar um especialista "perante qualquer mudança no corpo fora do comum e persistente", já que o tratamento do câncer tem maior probabilidade de sucesso quanto mais cedo for diagnosticado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ema
Convidado



MensagemAssunto: Gordura!!!   Sex Ago 27, 2010 1:38 pm


O Povo Brasileiro está mais gordo!!!

Brasil tem 23% dos estudantes acima do peso, aponta IBGE
Escolas pesquisadas têm 7,2% de alunos obesos e 16% com sobrepeso. Outros 2,9% apresentam apresentam peso menor do que o ideal

iG São Paulo | 27/08/2010 10:00


Excesso de peso e obesidade atingem 60% dos brasileiros adultos
A obesidade (excesso de gordura no corpo, causando prejuízos à saúde) e o sobrepeso (acima do considerado normal) são os principais problemas nutricionais dos estudantes brasileiros. A Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar 2009 (PeNSE), realizada pelo IBGE em parceria com o Ministério da Saúde, aponta que 23,2% estão acima do peso, enquanto 2,9% apresentam peso mais baixo que o ideal. O estudo, divulgado nesta sexta-feira, é uma avaliação do estado nutricional dos estudantes do 9º ano do ensino fundamental de escolas públicas e privadas, das 26 capitais brasileiras e do Distrito Federal (DF).

A PeNSE visitou 1.453 escolas e registrou medidas de peso e altura de 58.971 alunos, com idades entre 13 e 15 anos. A pesquisa revelou que 2,9% destes estudantes estão com baixo peso, enquanto 16% apresentam sobrepeso e 7,2% estão obesos. No entanto, a grande maioria dos alunos, 74%, está com estado nutricional adequado (peso dentro do esperado).
Voltar ao Topo Ir em baixo
Prado
Convidado



MensagemAssunto: H1N1   Sex Ago 27, 2010 1:51 pm



UE investiga possível relação entre vacina anti-H1N1 e narcolepsia

27 de agosto de 2010 • 13h34

0Notícia

Reduzir Normal Aumentar Imprimir LONDRES, 27 Ago 2010 (AFP) -A Agência Europeia de Medicamentos (EMEA) anunciou nesta sexta-feira que está investigando uma possível conexão entre uma das vacinas desenvolvidas contra a gripe H1N1 e vários casos de narcolepsia, detectados na Finlândia e na Suécia.
Em um comunicado, a EMEA informa ter lançado uma investigação sobre o Pademrix, produzido pelo laboratório britânico GlaxoSmithKline (GSK), a pedido da Comissão Europeia, depois que "um número limitado de casos" de narcolepsia, trastorno do sono de origem neurológica, foram registrados, principalmente nos dois países mencionados.

Segundo a agência, "pelo menos 30,8 milhões de europeus" foram vacinados com Pandemrix durante a pandemia.

As autoridades sanitárias finlandesas recomendaram nesta mesma semana a suspensão do uso de Pandemrix até que a investigação chegue a uma conclusão sobre o aumento dos casos de narcolepsia registrados este ano entre crianças que foram imunizadas.

A Suécia também está investigando a possível relação entre o Pandemrix e a narcolepsia, uma doença pouco frequente cuja causa exata é desconhecida e é caracterizada por sonolência incontrolável.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Prof Jo
Convidado



MensagemAssunto: Temporão está vendo!!!   Sex Ago 27, 2010 1:57 pm



Vamos ver o que ele faz a respeito!!!!

Temporão: crescimento da obesidade acende 'alerta vermelho'
27 de agosto de 2010 • 13h24 • atualizado às 13h28

0Notícia Infográfico

Reduzir Normal Aumentar Imprimir O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, disse que nesta sexta-feira os dados sobre o crescimento da obesidade entre os brasileiros acendem um "alerta vermelho". Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgada hoje aponta que mais da metade da população brasileira está acima do peso. O sobrepeso é maior entre os homens (50,1%) do que entre as mulheres (48%).

"Estamos em uma situação de absoluto alerta vermelho. O crescimento (da obesidade) na última década aponta para uma realidade: homens e mulheres estão acima do peso", disse o ministro.

De acordo com a Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009, o percentual de excesso de peso entre os homens saltou de 29,8%, em 1989, para o índice atual, de 50,1%. O percentual entre as mulheres, no fim da década de 80, era de 41,4%.

Nesse ritmo, Temporão estimou que em dez anos o problema no Brasil atingirá dois terços da população adulta - a mesma proporção dos Estados Unidos (63%). "O Brasil se aproxima perigosamente do mesmo nível de excesso de peso dos Estados Unidos, o que é péssimo do ponto de vista da qualidade de vida e da perspectiva de doença e sofrimento", afirmou.

O excesso de peso é considerado fator de risco para a saúde e pode acentuar problemas como hipertensão arterial, diabetes e infarto
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Saúde Para o Povo Brasileiro, Rápido.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Saúde Para o Povo Brasileiro, Rápido.
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» TEMA CLASH OF CLANS
» DICAS E TÉCNICAS PARA QUEM TRABALHA COM MASSA PRÉ-ASSADA
» pizzaiolo para PORTUGAL
» Sites de produtos para cabelo em Geral
» Plopping

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Rede Mobiliza Saúde - Serra 2010 :: Saúde Pública – Outros Assuntos Não Menos Importantes :: Saúde Global-
Ir para: